Emos podem ser mais vulneráveis à Covid-19, revela estudo

Emos podem ser mais vulneráveis à Covid-19, revela estudo

Pesquisas realizadas na tarde desta quinta-feira (23) pela UniCry, renomada universidade de Massachusetts (Ohio), gerou polêmica em todo o mundo.

Reprodução: Internet

Segundo estudos, emos podem ser mais vulneráveis à Covid-19. A pesquisa de imediato, gerou risos de toda comunidade emo que, em seguida e sem surpresos, gerou também o choro.

Os dados que são profundamente alarmantes, alertam para o estereótipo de vulnerabilidade e características de possíveis infectados. Segundo pesquisador australiano Souin Bessil, o coronavírus tende a encontrar abrigo em pessoas tristes e que tem como prazer ouvir músicas em tonalidade menor. Para ele, está mais do que comprovado que os sentimentos podem sim ser um componente do qual estimula a contaminação de doenças.

A pesquisa deve ser publicada na íntegra na página da universidade com maiores esclarecimentos. Mais informações a qualquer momento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *